Uma pessoa que luta pela vida e a outra não quer lutar!

Como são as coisas! Eu li agora no blog http://assimcomovoce.folha.blog.uol.com.br/, o post “Uma menina de fibra!”. Conta a historia de uma pessoa que sofre da doença Fibrose Cística, esta torna toda secreção do organismo grossa, pegajosa, dificultando a saída delas e parece que a sobrevida mediana de 35 anos. Ela hoje é psicóloga, trabalha em uma multinacional, ama a vida e por isso tem uma força incrível. Segundo ela; “peguei este limão azedo, espremi com muita força, fé e coragem, e fiz uma bela limonada doce! Em vez de medo, crio forças diariamente. No lugar de desespero constante, uma esperança que se renova a cada segundo”.

Enquanto essa menina de fibra luta pela vida, eu vejo a esposa do meu tio, desistir da vida. Esta fumou a vida inteira, atualmente está com Câncer no pulmão, não para de fumar, toma vinho, o dia inteiro e chora que não quer morrer.

Eu fiquei pensando nestes dois casos, uma luta pela vida, a outra quer a vida, mas não quer lutar por ela. Algumas pessoas são fracas, pois não admitem o sofrimento, acham que não o merecem, são egoístas consigo mesmo e com os outros. Elas têm um sério problema, não aprenderam a lidar com a frustração quando criança. Nós desde que nascemos temos que aprender que a frustração existe, e devemos criar mecanismos para conviver com ela.

Através da frustração é que crescemos.

Até mais,

bjo,

Carol

1 comentários:

Unidos pela Vida

Olá Carol! Meu nome é Verônica, sou a menina do Post do Jairo Marques de hoje! =) Recebi um "Alerta do Google" sobre Fibrose Cística, e vi que era sobre o meu caso! Fico muito feliz em saber que de certa forma tenho ajudado as pessoas... Te convido a visitar o site do Grupo Unidos pela Vida que eu montei pra ajudar quem tem FC e quem ainda não sabe... http://unidospelavidafc.webnode.com.br

Muito obrigada pelo carinho!
Um beijo
Verônica.

" As pessoas têm medo das mudanças. Eu tenho medo que as coisas nunca mudem". Chico Buarque
 
Carolina - Um sonho a mais não faz mal
Design por João Elias - Topo ↑